Soft Skill: a importância da resiliência

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Você já ouviu falar em soft skills? Com o mercado de trabalho cada vez mais competitivo, as empresas optam hoje por uma nova tendência: investir em habilidades subjetivas e diretamente relacionadas à inteligência emocional. Essas habilidades não vêm prontas em manuais, mas são, muitas vezes, adquiridas por meio de experiências de vida.

 

Você sabe o que são soft skills?

O termo soft skills significa “habilidades interpessoais” e se refere às relações entre as pessoas. Destacam-se, dentre as habilidades mais importantes, a adaptabilidade e a resiliência.

No mundo corporativo, esse termo ganha cada vez mais espaço à medida que a sociedade reconhece as aptidões comportamentais como tão importantes quanto as técnicas.

A saber, soft skills são competências relacionadas à personalidade e ao comportamento de cada indivíduo, adquiridas com experiências pessoais, educação familiar e contexto cultural. Vale ressaltar que essas habilidades são mutáveis e adaptáveis, podendo ser desenvolvidas e modificadas ao longo da vida.

 

As soft skills mais requisitadas

Você conhece as soft skills mais destacadas no mercado? Segundo a revista Forbes, as seis soft skills consideradas mais importantes pelas empresas são:

  • comunicação eficaz;
  • pensamento criativo;
  • resiliência;
  • empatia;
  • liderança;
  • ética no trabalho.

Ademais, as habilidades listadas a seguir também são muito valorizadas no ambiente corporativo:

  • resolução de problemas;
  • colaboração;
  • gerenciamento de tempo;
  • capacidade de planejamento.

No artigo de hoje, abordaremos a importância da resiliência.

 

O que é resiliência?

Uma das habilidades essenciais em todas as áreas dos setores econômico e social é a capacidade de adaptação ao novo cenário profissional, em constante transformação na atualidade. A resiliência pode ser definida como a habilidade que um indivíduo tem de se adaptar às mudanças e crises.

Uma pessoa dotada de resiliência consegue solucionar problemas com eficiência mesmo quando diante de pressões e obstáculos. Ainda que sinta o abalo emocional e psicológico, será capaz de enfrentar o desafio, pois percebe que as situações podem ser passageiras e adaptáveis.

Desse modo, ser um profissional resiliente implica conseguir gerenciar crises, sobrepor obstáculos, aproveitar oportunidades, bem como estar ciente de que sempre surgirão novas demandas e exigências.

 

A resiliência e o porquê da sua importância

Atualmente, transformações estruturais estão ocorrendo em todo o globo, inclusive no âmbito do trabalho. É fundamental que você acompanhe essas mudanças. Como elas ocorrem cada vez mais rapidamente, tenha atenção às novidades e se prepare para lidar com os novos desafios! Assim, se a resiliência já é extremamente importante e útil na vida pessoal, imagine na profissional.

É por meio dessa habilidade que você poderá assumir o protagonismo na carreira, ou seja, identificar o que precisa ser modificado para manter seu espaço no mercado. Desenvolver a resiliência é de extrema relevância no quesito profissional, pois quem apresenta alta adaptabilidade tende a não se apavorar diante de mudanças e mantém  flexibilidade cognitiva mesmo em épocas turbulentas.

Se você é dotado dessa soft skill, está um passo à frente dos concorrentes, uma vez que os recrutadores empresariais entendem que são essas as pessoas que enfrentam qualquer situação adversa, seja dentro ou fora da empresa.

Pense neste momento delicado em que estamos enfrentando a pandemia da COVID-19. A resiliência tem sido uma das habilidades cruciais por ser, justamente, a capacidade de se recuperar de crises. E mais do que força, ânimo e persistência, ela está relacionada à maturidade.

Lidar com problemas, adaptar-se às mudanças e resistir às pressões do trabalho ou da vida pessoal são capacidades requisitadas em qualquer área de atuação, embora difíceis de ser adquiridas. Em geral, aqueles que possuem resiliência já enfrentaram situações complexas em diversos âmbitos da vida.

Não é à toa, portanto, que a resiliência — ou a capacidade de adaptar-se e enfrentar dificuldades — é uma das competências mais procuradas quando se está recrutando um profissional.

 

Como desenvolver a resiliência?

Habilidades humanas não são estáticas. Embora haja pessoas que pareçam ser resilientes por natureza, essa qualidade pode ser desenvolvida, ampliada e aperfeiçoada ao longo da vida.

O primeiro passo para adquirir resiliência é o autoconhecimento. A partir do exercício constante de se autoconhecer, será possível o desenvolvimento de qualidades como flexibilidade, autoconfiança e agilidade. Além disso, deve-se aprender a ter controle das emoções e a lidar com as frustrações — inerentes à vida pessoal e profissional.

Dicas para ser resiliente:

  1. defina seu propósito de vida;
  2. elimine pensamentos negativos e cultive sentimentos positivos;
  3. saiba trabalhar em equipe e ser colaborativo;
  4. seja persistente.

Os componentes da resiliência

A resiliência é composta por oito fatores:

  • autoconfiança;
  • orientação para o desafio;
  • direção com propósito;
  • adaptabilidade;
  • otimismo;
  • controle emocional;
  • criatividade;
  • busca por apoio.

Todos esses componentes fazem a diferença, pois tanto no mercado de trabalho quanto na vida pessoal é muito comum a presença de pessoas que não aceitam mudanças e preferem permanecer na zona de conforto.

Desse modo, cada vez mais as empresas procuram por profissionais resilientes e adaptáveis, que não desistem diante das dificuldades. Alguém resiliente será capaz de avaliar cada situação com calma e foco, trazendo soluções que resolvam o problema de maneira positiva e produtiva.

Hoje, é preciso saber se reinventar e se reestruturar. Ficar no passado não é uma opção!

Quer aprender mais sobre soft skills? Conheça nossos cursos. A DTCOM tem as melhores soluções educacionais.

 

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Cadastre-se na nossa Newsletter

Aceito receber e-mails da DTCOM. Não se preocupe, não enviaremos spam.

Deixe uma resposta