Educação a distância: como criar rotinas para maior engajamento dos alunos.

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Das muitas lições que as redes sociais trouxeram a partir do momento em que se tornaram populares, a busca pelo engajamento do público é certamente uma das mais importantes. Rapidamente, “engajar” passou a figurar também fora do ambiente digital, sendo inserida no dia a dia de áreas como a educação, especialmente no caso das Instituições de Ensino Superior (IES) que oferecem cursos no modelo de Educação a Distância. É com rotinas de engajamento que se busca vencer um dos grandes desafios do EAD: reduzir ao máximo o número de alunos desistentes.

 

Mas diferente do que ocorre no Facebook ou no Instagram, onde um vídeo ou foto animada e divertida gera likes, compartilhamentos e cliques, o engajamento dos alunos numa IES com Ensino a Distância vai muito além de um conteúdo pontual. É precisa criar e manter rotinas que ajudem a estabelecer e manter vínculos com os alunos uma das principais lições do dia a dia do EAD. Mas como fazer isso?

 

Não é fácil, pode não parecer simples, mas não é impossível. Porém, antes de qualquer coisa, uma pergunta importante para criar as rotinas de engajamento:

 

O que você sabe sobre seus alunos?

Além de dados básicos como faixa etária, é importante saber mais sobre expectativas sobre o curso e o modelo de Ensino a Distância. Tem alguma dificuldade? E também cabe verificar como a educação se encaixa na rotina diária, especialmente entre os que trabalham e estudam. Qual o tempo médio que se dedicam às atividades do curso? Conseguem ser pontuais na entrega de trabalhos? E a interação com a monitoria, como e com qual frequência ocorre?

 

Além disso, procure saber mais sobre hábitos e comportamentos:

Como consomem informação?
Quais as redes sociais preferidas?
Assistem vídeos no celular?
Ouvem podcasts?
Compram livros físicos e digitais?
Usam WhatsApp com que frequência?
E e-mail, como usam? Assinam newsletter?

 

Tudo isso ajudará no desenvolvimento das rotinas que resultarão no maior engajamento dos alunos e, por consequência, na redução da evasão.

 

Rotinas para engajamento na Educação a Distância

Como destacado no início, não é uma foto que será responsável pelo maior engajamento dos alunos de Ensino a Distância de uma IES. É a soma de rotinas que possibilita a construção de uma relação mais estreita entre a instituição e o aluno.

 

Neste sentido, continuidade é uma palavra-chave quando se pensa em engajamento. Não espere resultados imediatos, dê tempo ao tempo para que as ações possam se consolidar e avalie sempre o que está sendo feito. Até faça alterações no que está propondo, como uma nova abordagem, mas evite simplesmente abandonar uma ação. Veja sugestões de rotinas:

 

Ampliar canais de comunicação

Estar onde os alunos estão é uma das medidas que a IES deve tomar para buscar o engajamento. Parece óbvio e é, mas ainda é um erro cometido por muitos. A partir do momento em que os alunos estão conectados, a IES deve focar nas plataformas onde eles estão presentes. Pode ser rede social ou aplicativos como o WhatsApp, mas sempre sem ser invasivo e no tom certo.

 

Ao mesmo em que amplia os canais de comunicação, analise como vem sendo feito o trabalho de monitoria dos cursos. Atende aos alunos com eficiência? Quais são as reclamações mais frequentes? O que é possível mudar com maior agilidade? Esta é uma medida importante porque de nada adianta avançar na interação se a “imagem” do canal principal da IES com os alunos de EAD está arranhada. Uma monitoria eficiente certamente amplia as chances de sucesso de engajamento dos alunos por meio de outras plataformas de interação.

 

Incentivo à participação

A sensação de pertencimento ou de fazer parte de algo relevante é um item importante nas estratégias de engajamento. Faça isso com os alunos. Crie rotinas que incentivem a participação e estimulem o aluno seja ativo em diferentes situações.

 

Pode-se criar uma rotina para o envio de sugestões sobre o curso. Mande perguntas personalizadas a respeito de diferentes questões (como está o conteúdo, como está monitoria ou como está a rotina de entrega de atividades).

 

Ou pode-se, por exemplo, criar ações como o compartilhamento de fotos em datas especiais ou simplesmente mostrando, com selfies e hashtags como #EunoEAD. É uma ação que fortalece também o vínculo de um modo geral da IES com os alunos e dos alunos entre si. Além de gerar também um retorno positivo pelos comentários e curtidas que a selfie pode gerar.

 

Controle de qualidade

Uma rotina que também pode gerar engajamento é transmitir aos alunos a percepção de que a IES possui um controle de qualidade eficiente sobre os cursos de Educação a Distância. Ou seja, o aluno precisa ser impactado pela informação que mostre que qualidade é realmente uma prioridade a ponto de haver uma política específica e ativa para isso.

 

É diferente de quando a IES se manifestar quando é alvo de algum tipo de crítica sobre o material didático ou sobre a plataforma de EAD. Faz diferença ser proativo e não reativo nesse caso. Melhor que ouvir comentários do tipo “só falou porque criticaram” é criar um informativo periódico abordando temas como novos conteúdos, melhorias, atualizações, mudanças, inovações, entre outros.

 

Deseja saber mais sobre como ter uma Educação a Distância de sucesso? Consulte a DTCOM.

 

Assinatura Redação

 

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Cadastre-se na nossa Newsletter

Aceito receber e-mails da DTCOM. Não se preocupe, não enviaremos spam.

Deixe uma resposta