Séries de posts sobre material para EaD. Post 1: Como planejar conteúdo

Quatro dicas para planejar conteúdo para EaD

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

 

Como a maior produtora de conteúdo e material didático para EaD do Brasil, temos parcerias com muitos autores e revisores técnicos. Foi pensando nestes parceiros que fizemos esta série de posts. Dividida em três partes, a série vai falar sobre Como planejar conteúdo para EaDComo escrever para EaD e, por fim, Como elaborar exercícios para EaD.

A Educação a Distância é a que mais cresce no Brasil. De acordo com o último Censo da Educação Superior, a EaD cresceu 3,9% em 2015 (dados comparados a 2014). Durante o mesmo período, o Ensino Presencial cresceu apenas 2,3%. Além disso, uma pesquisa de tendências feita pelo Educa Insights ainda aponta a probabilidade de que, em apenas cinco anos, o número de estudantes de EaD deve superar os de ensino presencial no Brasil

Nós, da DTCOM, acreditamos no poder e nas possibilidades que a Educação a Distância tem a oferecer. Esperamos que você embarque nesta jornada conosco e, quem sabe até decida participar, planejando e escrevendo para EaD.

Boa leitura!

 

1. Atente aos objetivos de aprendizagem

Conseguir fazer um bom planejamento é o primeiro passo para o sucesso em basicamente qualquer atividade. Para produzir um bom conteúdo ou material didático para educação a distância, não é diferente. 

Por isso, nossa primeira dica é: “estabeleça objetivos de aprendizagem” e elabore um plano de ensino para se certificar de que eles serão atendidos. Esta é a primeira e mais importante dica

Use a Taxonomia de Bloom e a sua definição de Domínio Cognitivo no momento de elaborar os objetivos. Os verbos que ele utiliza como diretrizes da profundidade do aprendizado são úteis não só na hora de planejar conteúdoestabelecer os objetivos, mas também na hora de produzir o conteúdo, as atividades de aprendizagem e a avaliação. 

Você pode se interessar também por este artigo sobre A efetividade das metodologias ativas na aprendizagem.

 

2. Escolha referências adequadas

Ao planejar conteúdo para EaD, lembre-se de escolher referências teóricas reconhecidas

Boa parte do público da Educação a Distância está conectada e vive online. Embora esta característica tenha que ser levada em consideração na hora da escrita (falaremos mais sobre esta etapa em um próximo post), ela não significa que suas referências teóricas possam vir de algum blog da internet.

Antes de iniciar a escrita, dedique tempo para encontrar artigos científicos, autores e livros com alto nível de qualidade técnica.

 

3. Use recursos instrucionais de qualidade

Certamente você lembra deles desde a época em que você era estudante. São itens extras com conteúdos ou dicas complementares disponibilizados no material com pequenas chamadas de atenção: “Assista!”, “Curiosidades”, “Leia mais”. Planejar conteúdo para EaD é pensar com antecedência em tudo o que é necessário em um material didático pronto e de boa qualidade. Incluindo estes recursos instrucionais.

Para o EaD, vale pensar nos recursos instrucionais como oportunidades de usar Objetos de Aprendizagem Digitais. Leia mais em https://goo.gl/vAE9b7.

Contudo, vale ressaltar: evite iniciar textos com estes recursos, pois ele parecerá apenas um conteúdo solto, perdido. Crie antes um contexto em que ele se encaixe.

 

4. Não esqueça dos exemplos

A etapa “planejar conteúdo” está quase completa! Agora que você já estabeleceu os objetivos de aprendizagem, escolheu as referências adequadas e definiu alguns materiais para usar como recursos instrucionais, é hora de pensar nos exemplos. Todos os alunos sabem da importância da teoria, mas o que dá gás ao aprendizado é conseguir identificar situações reais, ou verossímeis, em que ela foi aplicada.

É provável que você queira fazer algo que possa ser utilizado por várias turmas, certo? Se este for o caso, dê preferência aos exemplos atemporais. A dica para identificar se um exemplo é atemporal ou não é bem simples: pergunte a si mesmo qual o contexto do exemplo, e se as pessoas ainda entenderiam o mesmo exemplo daqui dois anos.

Use cases práticos, busque inspiração em casos reais.

Os cases prendem mais a atenção do estudante, e ainda mostram como o mercado de trabalho reage às situações estudadas.

E, por fim, lembre-se de fazer um texto-exemplo rápido e conciso. Evite escrever mais de dois parágrafos para cada exemplo.

 


 

No texto 2 da série, damos sequência ao tema Como produzir conteúdo para EaD, e com dicas de como escrever o conteúdo. Clique aqui para lê-lo.

Ficou interessado em ser um de nossos autores ou validadores? Acesse https://goo.gl/2DcWvt e saiba mais!

Assinatura Redação DTCOM - Dúvidas sobre como planejar conteúdo ou sugestão de pautas? Entre em contato!

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Cadastre-se na nossa Newsletter

Aceito receber e-mails da DTCOM. Não se preocupe, não enviaremos spam.

Deixe uma resposta