Esqueceu sua senha?

Portal Competência

21 de novembro de 2013
Recursos Humanos


Valorize a Ouvidoria Interna

Pontos indispensáveis para o RH

Valorize a Ouvidoria Interna

Identificar as percepções dos colaboradores em relação à empresa vai auxiliar o RH a planejar suas ações para o próximo ano

Quando uma empresa perde um profissional extremamente talentoso para outra organização, rapidamente o RH vai querer saber o porquê do desligamento, não é mesmo? E quando uma equipe inteira baixa a sua produtividade? Por certo seus superiores também desejarão entender a causa de tamanha desmotivação.

Compreender e dar atenção com antecedência ao que pensam os colaboradores sobre a empresa onde trabalham pode evitar uma série de problemas como os citados acima. Saiba como ativar a ouvidoria interna da sua organização de maneira a auxiliar o planejamento das ações de RH para o próximo ano.

Experiente na coordenação de ouvidorias públicas, tendo já atuado no Tribunal de Contas e na Polícia Militar na aplicação de ações como essas, a consultora em Gestão Estratégica Mônica Costa é enfática ao declarar: “um planejamento de RH que não considera a voz do colaborador define ações vazias. Quem conhece a realidade da organização é o profissional que nela atua”.

Para atentar à voz dos colaboradores, ter um profissional específico para atuar em uma Ouvidoria seria o ideal. Mas algumas empresas não têm condições de arcar com tal custo. Para estas, Mônica sugere que o RH assuma a função, apenas ressalta: “é preciso responder com atenção a todas as demandas provenientes da Ouvidoria e talvez o RH não tenha tempo para isso”.

A realização periódica de Diagnósticos de Clima por meio de consultorias externas é outra maneira de ouvir as percepções dos colaboradores da empresa, segundo a consultora. “Ainda dá tempo das empresas realizarem uma ação como essa neste ano. Por meio dela, os colaboradores são escutados através de questionários e entrevistas e, dessa forma, é elaborado um diagnóstico da empresa. Esse documento vai auxiliar no planejamento das ações para 2014”, sugere.

Para a Ouvidoria dar certo

O especialista em Gestão de Recursos Humanos Antonio Carlos Cano também está acostumado a realizar o serviço de ouvidoria interna em empresas por meio da Activa Consultoria. Abaixo, ele concede orientações importantes para uma ouvidoria ser realmente eficaz:

 

  • Divulgação – todos os colaboradores devem saber da existência da Ouvidoria e ter acesso livre a ela. Para tanto, a divulgação é essencial.
  • Liberdade de expressão – a Ouvidoria deve estar aberta para receber qualquer assunto, sem pressões dos gestores. Também deve deixar claro aos colaboradores que eles não sofrerão nenhuma penalidade por abordarem temas delicados.
  • Isenção – A Ouvidoria não deve se envolver em intrigas ou tomar partido nas situações, mas deve visar sempre o bem comum, que é o sucesso da empresa.
  • Feedback – Todas as consultas ou conversas junto à Ouvidoria devem ser respondidas, com menor ou maior tempo. Quando o assunto é mais complexo e requer mais tempo de resposta, o colaborador deve, ao menos, ser informado sobre os passos que estão sendo dados a respeito.

Resultados – O RH deve apresentar, com frequência mensal ou bimestral, estatísticas sobre os assuntos tratados na Ouvidoria e as ações empreendidas pela empresa, bem como os resultados auferidos.



Redação, Portal Competência