Esqueceu sua senha?

Portal Competência

5 de setembro de 2013
Recursos Humanos


Revolução tecnológica no RH

Soluções em nuvem chegam para mudar a rotina dos profissionais de recursos humanos

Revolucao tecnologica no RH

Soluções em nuvem chegam para mudar a rotina dos profissionais de recursos humanos

Entre as ferramentas de tecnologia da informação que mais têm impactado a área de recursos humanos nos últimos anos está a computação em nuvem. Informações divulgadas pela Humanus Tecnologia em RH revelam que o chamado cloud computing deve crescer expressivamente neste setor nos próximos anos.

Para o executivo de Engenharia e Desenvolvimento da Humanus, Carlos Carravetta, “o RH demandará soluções em nuvem especialmente para agilizar processos como Avaliação de Desempenho, Disponibilidade para Treinamentos e outras atividades para as quais seria necessário o deslocamento do colaborador ou o contato direto com ele”.

O debate em torno do assunto está tão em alta que foi tema de evento da Associação Brasileira de Recursos Humanos no Paraná no mês de julho. Quem falou sobre o assunto foi o presidente do Banco Nacional de Empregos (BNE) e do Grupo Employer, Marco Aurélio Abreu. Segundo ele, o cloud computing será o suporte para um novo modelo de gestão de pessoas.

Democratizar as informações da empresa em prol da otimização do tempo e da eficiência das atividades do RH. Esse é um dos principais benefícios trazidos pelos processos em nuvem, de acordo com Marco Aurélio. “Os sistemas do cloud são interativos e compartilhados. Assim, todos contribuem com o fornecimento de informações para os recursos humanos”, explica.

Abreu defende que o banco de dados das empresas deve estar nas nuvens para que a atuação do profissional de RH seja mais eficaz. “As atividades do RH são, por vezes, pesadas e estressantes. A substituição por processos de computação em nuvem, porém, gera maior qualidade de vida para esses profissionais”, enfatiza.

Cloud em ação

O Grupo Fitta é uma das empresas que já tem usufruído do cloud computing para facilitar seus processos de RH.  Hoje, o holerite dos trabalhadores do Grupo não é mais impresso e entregue pessoalmente. O demonstrativo chega aos colaboradores por meio da internet ou do celular através do programa Meu Holerite, desenvolvido pela Employer.

“O serviço de holerite em nuvem reduziu em cerca de 32% as despesas que tínhamos com produção do demonstrativo impresso e para fazer com que eles chegassem aos funcionários. O custo-benefício tem sido muito vantajoso e o processo de implantação bastante simples”, declarou o executivo do departamento de Gente e Gestão do Grupo Fitta, Fábio Carrera.

Dudalina, Cadence, PG Mundi, PH Service, Gersepa, Grupo Kallas e Agrária são algumas das empresas brasileiras que também já aderiram à computação em nuvem para os seus setores de RH.

 

Leia Também: “Para gerir pessoas em home office”



Redação, Portal Competência