Esqueceu sua senha?

Portal Competência

23 de dezembro de 2013
Recursos Humanos


O Papai Noel vai passar na sua empresa?

Como e porque presentear os colaboradores no Natal

O-Papai-Noel-vai-passar-na-sua-empresa

O Natal é uma excelente oportunidade para estreitar e fortalecer os laços da empresa com o seu público interno. Conforme a ocasião se aproxima, os próprios colaboradores já ficam na expectativa sobre como a organização vai lembrar deles na data. O grande impasse é de que forma preparar uma surpresa que esteja de acordo com o orçamento da companhia, que agrade aos mais diferentes perfis de trabalhadores e que reflita de forma significativa no engajamento da equipe.

Ir além do pensamento materialista é a sugestão principal da especialista Silvana Lages, consultora em comportamento e imagem corporativa. “Sabemos que, dependendo do tamanho da empresa, presentear a todos os colaboradores demanda um custo que pesa no orçamento. Sendo assim, é preciso fazer com que a ação valha a pena, que não seja apenas um presente que será esquecido em breve, mas que promova reflexões profundas”, defende Lages.

A consultora alerta para grandes festas de fim de ano e enormes cestas de Natal que não vêm acompanhadas de mensagens de gratidão e motivação: “algumas confraternizações acabam não confraternizando em nada, pelo contrário, promovem comportamentos indesejáveis. O ideal é que esses momentos venham acompanhados de discursos significativos sobre o papel de cada um na empresa e sobre a importância do trabalho em equipe”.

Um orçamento apertado não é desculpa para deixar a data passar em branco, segundo Silvana Lages. Dinâmicas de grupo e ações de solidariedade são opções criativas que não demandam altos custos. “É possível motivar os colaboradores para que montem uma árvore juntos, por exemplo, com cada um trazendo um enfeite ou um cartão, promover campanhas em prol de alguma entidade ou pessoa carente ou simplesmente reuní-los para um discurso de agradecimento”, reforça Silvana.



Redação, Portal Competência