Esqueceu sua senha?

Portal Competência

13 de agosto de 2013
Qualidade de Vida


Gestão inteligente do tempo

O RH deve auxiliar os colaboradores na organização de seus afazeres

Gestao inteligente do tempo

A chamada alta performance tem sido cada vez mais valorizada no atual contexto corporativo. Para alcançá-la, a inteligência na administração do tempo é essencial. Nem todos os profissionais, porém, apresentam essa habilidade para organizar seus afazeres diários de tal forma que a produtividade aumente e o estresse diminua. Neste momento é que entra o importante apoio do setor de recursos humanos da empresa. Por meio de ações direcionadas, o RH consegue auxiliar esses colaboradores a gerirem de maneira produtiva suas atividades.

Um profissional sobrecarregado de afazeres profissionais e pessoais pendentes jamais conseguirá ter um bom desempenho. Diante disso, a coach Maria Teresa Guimarães defende que as empresas se responsabilizem mais pela gestão do tempo de seus colaboradores não só no ambiente de trabalho. “Isso deve ser feito não apenas tendo em vista a produtividade, mas olhando para esse trabalhador como um ser humano. Uma pessoa que dedica 10 a 11 horas diárias à vida profissional, precisa de apoio também para as suas necessidades pessoais”, declara.

Foi esse apoio citado por Maria Teresa que a SAP Brasil ofereceu aos seus colaboradores em 2012. Na época, a gerente de treinamento da empresa, Bianca Lanzuolo, percebeu que o estresse dos profissionais da SAP estava, em grande parte, associado a uma má administração de suas atividades. Para auxiliar esses trabalhadores, Bianca organizou palestras e eventos que ensinaram os colaboradores a organizarem suas vidas. “As empresas têm o desafio de gerenciar o tempo. Sempre que conheço uma ferramenta nova a apresento para os funcionários”, relata a gerente.

Quem aplicou o treinamento aos trabalhadores da SAP Brasil em 2012 foi Daniel Burd, diretor da Call Daniel. Burd está acostumado a instruir profissionais por todo o mundo no que diz respeito à produtividade. Uma das principais orientações que o instrutor dá aos profissionais de RH é que reúnam os colaboradores da empresa semanalmente, de preferência às sextas-feiras, para que organizem suas atividades da próxima semana. “É interessante que anotem em um calendário as tarefas urgentes, registrando as responsabilidades mais importantes. Não se pode confiar na mente”, alerta Daniel.



Redação, Portal Competência