Esqueceu sua senha?

Portal Competência

1 de outubro de 2013
Rosangela Duarte


FORMAÇÃO: educação continuada em serviço

Ao conceituar a formação continuada, é necessário compreender que é um processo de formação profissional

shutterstock_136602038

A apropriação do conhecimento, socialmente construído pela humanidade, efetiva-se na interação entre membros representantes da cultura e no interior de práticas sociais. Em nossa sociedade, essa apropriação se dá nas esferas do cotidiano e em instituições criadas para esse fim.

O conhecimento difundido na educação tradicional, por meio das instituições de ensino nos diferentes níveis, não supre a real necessidade do mundo do trabalho o que o obriga a fornecer seus próprios programas de formação continuada aos seus colaboradores.

Ao conceituar a formação continuada, é necessário compreender que é um processo de formação profissional para quem já concluiu sua formação inicial e exerce sua profissão. Assim, a formação continuada é voltada para o profissional que está inserido em um contexto profissional sócio-histórico e tem como finalidade mediar o conhecimento socialmente acumulado em uma perspectiva transformadora da realidade.

Tal processo educacional permite problematização das necessidades, auto-avaliação, auto-formação e auto-gestão. É uma atividade de formação profissional e pessoal conscientemente proposta, voltada para a mudança. Nesse processo, o papel dos formadores é o de superar as relações de dependência e o paternalismo e preparar os colaboradores para o desempenho de suas funções profissionais, voltado à prática das teorias aprendidas na educação formal.

Em outras palavras, a formação continuada em serviço forma a Ação profissional no que concerne a habilidades e a atitudes profissionais. As empresas que aplicam tais programas conquistam muitos benefícios, dentre eles, a boa imagem perante à sociedade, a redução do turnover em função da fidelização do colaborador e o consequente aumento da produtividade que leva às melhores taxas de lucratividade, elevando e/ou mantendo a competitividade no mercado.

Caro leitor, o poema que lerá a seguir foi produção realizada na época em que cursei o Mestrado (2002). O texto expressa minha reflexão sobre a necessidade de propostas de educação continuada aos profissionais da Era da Informação planejadas para a construção de conhecimento, para o desenvolvimento de habilidades e atitudes, para a FORMAÇÃO profissional e humana.

FORMAAÇÃO

CRIAAÇÃO

DIVERSAAÇÃO

ÉTICAAÇÃO

INTE(I)RAAÇÃO

ATENÇÃO!

 

REFLEXÃO:

MUDAAÇÃO

TRANSFORMAAÇÃO

 

INCLUSAAÇÃO

ACOLHE A AÇÃO

PROFESSAAÇÃO

PROFISSÃO

 

PRETENSAAÇÃO? NÃO!

PERTENCE(À)AÇÃO!

REALIZAAÇÃO

 

AUTOMAÇÃO? NÃO!

AUTÔNOMAAÇÃO

EMOÇÃO



Rosangela Duarte

Mestre em Educação: currículo pela PUC-SP. Graduada em Letras: Português e Inglês pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. Atua como consultora pedagógica para o desenvolvimento e implementação de cursos e treinamentos corporativos e acadêmicos na modalidade de Educação a distância. Ministra cursos de formação de gestores e de professores para o uso da Tecnologia da Informação e Comunicação na educação.