Esqueceu sua senha?

Portal Competência

9 de maio de 2014
Recursos Humanos


As competências que só uma mãe tem

Profissional com filhos é valorizada em segmentos específicos pelos seus diferenciais

As_competencias_que_so_uma_mae_tem

É verdade que ainda existem empresas com resistência em contratar mulheres com filhos pequenos ou que almejam engravidar em breve. Mas as mamães não precisam se desesperar. A experiência da maternidade também dá a essas profissionais competências extras que parcela do mercado de trabalho tem valorizado.

Um levantamento do Guia do Bebê, por exemplo, identificou empresas que priorizam a contratação de mães para seus quadros profissionais. Entre essas organizações, estão a Klin, a Kuka, a Quater, a Lillo e a Pimpolho. São empreendimentos que lidam com produtos e serviços voltados para mulheres e/ou para crianças.

Na Quater, empresa que atua no segmento de móveis para crianças, 84% das mulheres que trabalham na empresa possuem filhos, característica valorizada nos processos de seleção. A pesquisa do Guia do Bebê ainda identificou que essas companhias também incentivam suas colaboradoras a engravidarem, oferecendo diversos benefícios.

Empresas que valorizam mulheres mães ganham profissionais com alguns diferenciais, segundo Jaqueline Jaques. Ela é especialista em Recrutamento & Seleção, Executive Coaching & Mentoring e sócia proprietária da First Choice Consultoria em RH.

Jaqueline passou pela experiência da maternidade há pouco tempo. Em dezembro de 2013 teve seu primeiro filho e voltou a trabalhar três meses depois. Segundo a coach, são diversas as habilidades desenvolvidas quando se tem um filho e é inevitável que essas capacidades reflitam também na vida profissional.

“Sou outra mulher no trabalho. A profissional mãe desenvolve uma facilidade enorme de aprendizado, gestão do tempo, pró-atividade e responsabilidade. Isso porque ela tem que, de um dia para o outro, fazer coisas com as quais nunca lidou antes na vida. Afazeres que ninguém vai fazer por ela”, relata a coach.

A executiva da Associação de Mulheres de Negócios e Profissionais de São Paulo e blogueira do Canal Mulheres Empreendedoras, Raquel Marques, também defende as diversas qualidades profissionais e diferenciais de mulheres que já passaram pela experiência da maternidade.

Entre as competências que só uma mãe tem, Raquel destaca: a capacidade de definir prioridades, a facilidade de se adaptar a diferentes situações e pessoas, a sensibilidade e empatia nos relacionamentos, entre outros aspectos.



Redação, Portal Competência