Esqueceu sua senha?

Portal Competência

25 de março de 2014
Recursos Humanos


Como se tornar um RH de sucesso?

Especialista aponta caminhos para formação na área

Como se tornar um RH de sucesso

Administração, Psicologia, Direito, Pedagogia. Uma pesquisa da Society for Human Resources Management com mais de quatro mil entrevistados revelou a diversidade da formação acadêmica dos profissionais que trabalham em recursos humanos. Por ainda serem mínimas as opções de graduações específicas para atuação na área, interessados em seguir carreira em RH seguem caminhos dos mais diferentes em busca dessa formação. Para quem deseja se especializar na gestão de pessoas e está perdido em relação aos passos a serem tomados, a consultora de carreira e executive coach do Instituto Brasileiro de Coaching, Magda de Paula, concede algumas orientações.

Não existe um curso de graduação mais adequado para quem quer se tornar um gestor de pessoas, segundo Magda. Psicóloga, especialista em desenvolvimento humano e consultora em cursos de pós-graduação em RH, ela esclarece que, o que existe são algumas formações que capacitam a pessoa para atividades específicas dentro da profissão, por exemplo:

Advogados (lidarão bem com questões trabalhistas, folha de pagamento e benefícios), psicólogos (se desenvolverão em recrutamento & seleção, aplicação de testes e análises de perfil diversas), administradores (terão a vantagem da visão de gestão, planejamentos estratégicos, busca de metas e indicadores), pedagogos (poderão ter mais facilidade com treinamento & desenvolvimento e educação corporativa).

O importante, de acordo com Magda de Paula, é que, após a graduação, esses profissionais busquem especializações nas demais áreas que complementam suas formações a fim de trilharem uma carreira de sucesso. “Se o psicólogo não procurar entender de legislação trabalhista, o advogado não tiver visão de gestão ou o administrador não souber lidar com pessoas, dificilmente será um profissional de RH completo, chegando a cargos de gerência”, destaca.

Para especializar esses profissionais, Magda esclarece que, hoje, já existem cursos técnicos de dois anos e pós-graduações em RH que abordam de maneira ampla as funções do gestor de pessoas. Mas a coach ainda ressalta que, com uma formação completa e, assim, um currículo competitivo, os interessados em Gestão de Pessoas ainda precisam buscar network. “Frequentar cursos, oficinas, palestras e ter contato com pessoas da área ainda é de fundamental importância”, complementa.



Redação, Portal Competência