Esqueceu sua senha?

Portal Competência

16 de setembro de 2013
Educação Corporativa


Autoformação em pauta

Empresas do setor automotivo disponibilizam treinamentos variados à escolha do colaborador

Autoformacao-em-pauta

Existem conhecimentos que são indispensáveis para que um grupo de colaboradores exerça determinada função. Para estes casos, a empresa aplica treinamentos obrigatórios. Há, ainda, porém, um tipo de capacitação que não é imperativa, mas faz toda a diferença na gestão de pessoas. Trata-se da autoformação – estratégia que tem sido usada com afinco por empresas do segmento automotivo.

Para a identificação e retenção de talentos, para a promoção de colaboradores dedicados, para a motivação dos trabalhadores, em benefício do clima organizacional. Em prol de todas essas situações é que as empresas implantam programas de autoformação aos seus colaboradores. São treinamentos online com temas variados (técnicos ou comportamentais) que ficam disponíveis ao trabalhador para que cursem quando quiserem e se quiserem.

A Fiat Chrysler encara com tanta seriedade a autoformação que desenvolveu um centro específico para tratar do assunto: é o Centro de Competências da Fiat Chrysler, gerido pelo ICE – Instituto de Competências Empresariais. Quem fala sobre o assunto é Aline Rodrigues da Fonseca, analista do ICE.

“Oferecemos uma série de cursos na modalidade autoformação. Eles são atualizados periodicamente e ficam à disposição dos colaboradores. Divulgamos aos profissionais as opções de treinamentos para que eles escolham conforme o interesse de cada um. Após efetuarem a matrícula no Centro de Competências, eles podem fazer o curso quando quiserem, acessando de qualquer computador”, explica Aline.

Ainda com foco na autoformação, o Centro de Competências também dispõe do Portal de Aprendizado Online como uma opção e-learning voltada a Fiat Chrysler e suas regionais em todo o Brasil. “No Portal, oferecemos inúmeras atividades voltadas ao desenvolvimento de novas competências. Dentre elas, podemos citar: formação acadêmica, cursos de idiomas, cursos de informática, palestras técnicas, metodologias Lean com a rede de fornecedores, entre outras ações”, destaca Aline Fonseca.

A analista do ICE garante que a estratégia tem rendido excelentes frutos. “Tivemos um trabalhador do operacional que realizava continuamente os cursos oferecidos de maneira voluntária. Por se dedicar tanto à autoformação, ele chegou a ser promovido e saiu da linha de produção. É possível identificar profissionais disciplinados por meio dos cursos, pois estes se dedicam com comprometimento aos treinamentos”, reforça.

O Centro de Competências da Fiat atende hoje mais de 2 mil colaboradores por meio da gestão do ICE oferecendo soluções customizadas para o desenvolvimento de competências profissionais e pessoais.

Quer saber mais sobre o assunto? Clique aqui!



Redação, Portal Competência